Perguntas Frequentes

  1. Como faço para saber se a leitura da minha residência foi tirada corretamente?
    Quando a conta for entregue, observe no campo leitura atual quais foram os números tirados pelo leiturista. Com estes números em mãos, observe em seu hidrômetro os quatros dígitos pretos atuais da esquerda para a direita. Se o valor for igual ou maior, a leitura está correta.
  2. Como é cobrado o valor do esgoto?
    A cobrança do esgoto é referente a 40% do valor da água.
  3. O consumo da minha última conta foi muito alto, o que pode ter acontecido?
    Pode ter havido um vazamento em sua residência. Para verificar se há possível vazamento, feche todas as torneiras. Se possuir depósito este deverá estar cheio. Se após isso o hidrômetro continuar girando indica um possível vazamento. Outra hipótese, pode ser um acúmulo de leitura. Para verificar o acúmulo de leitura, observe nas contas anteriores o registro de alguma ocorrência.
  4. Quando o leiturista não consegue tirar a leitura do meu hidrômetro, como é calculado a minha conta?
    O sistema faz a média dos últimos meses.
  5. Com quantos dias de atraso o fornecimento de água pode ser cortado?
    Com 30 (trinta) após o vencimento da conta, pode originar o corte. Para solicitar a religação o consumidor deverá quitar todas as contas em atraso e apresentá-las no atendimento ao público do SAAE. Uma taxa pela religação será cobrada na próxima conta.
  6. Eu posso mudar a data de vencimento da conta de água?
    Sim. As mudanças das datas de vencimentos das contas poderão ser solicitadas pelos consumidores na sede do SAAE.
  7. Posso solicitar uma segunda via da conta de água?
    SIM. A segunda via da conta poderá ser retirada pela internet, aqui mesmo neste site, ou no atendimento ao público do SAAE. O consumidor deverá ter sempre em mãos o código da ligação que consta em sua fatura impressa. Em caso de constantes extravias da fatura de água deverá ligar para o SAAE para que seja solucionado o problema.
  8. Onde posso pagar minha conta?
    Nos agentes lotéricos e no posto de recebimento credenciado Nenê Cobranças (Rua Clarimundo Fonseca, 129, Centro, Lagoa Formosa).
  9. Como posso solicitar um serviço ou solicitar ou informar ocorrências?
    Ligue para (34) 3824-2033 ou nos telefones de plantão: (34) 9961-9114 ou 9961-9991.
  10. Se estou em débito com o SAAE, como devo proceder?
    Se você não tem em mãos as faturas em atraso, retire a segunda via da conta pela internet, aqui mesmo neste site, ou no atendimento ao público do SAAE. O consumidor deverá ter sempre em mãos o código da ligação que consta em sua fatura impressa.
  11. Como solicito uma nova ligação de água e esgoto?
    O primeiro passo é procurar o Departamento de Receitas na Prefeitura Municipal e requerer uma Certidão Negativa de Débito do local onde deseja a ligação de água ou esgoto. Depois compareça ao Setor de Atendimento do SAAE, portando a Certidão Negativa e CPF do Requerente/proprietário do imóvel.
  12. A água de qualquer torneira de minha casa é segura para se beber e fazer comida?
    O SAAE garante a qualidade da água distribuída à população até a entrada do imóvel onde existe o medidor de consumo (hidrômetro). A manutenção da qualidade da água nos cômodos internos da residência é dever e responsabilidade de cada morador. Por isso, mantenha suas instalações hidráulicas sempre em bom estado de conservação e limpe a caixa- d'água pelo menos duas vezes ao ano. Toda caixa-d'água deverá ficar permanentemente tampada e bem vedada. Quando as águas das torneiras internas de sua casa apresentarem aspectos diferentes do normal (cor, cheiro, gosto, etc), faça inicialmente uma comparação com aquela que está chegando no cavalete, antes de acionar a SAAE.
  13. Minha filha tomou água da torneira e ficou com dor de barriga e diarréia. É mesmo por causa da água?
    Não. A água que o SAAE entrega pela rede de distribuição tem um contínuo controle de qualidade. É mais provável que outras coisas que ela tenha comido possam tê-la deixado doente. Além do mais, os copos e os vasilhames para depositar água precisam estar sempre limpos. Outros hábitos de higiene devem ser considerados para que doenças como esta apresentadas sejam evitadas: lavar as mãos com sabonete após o uso de sanitários, cortar unhas e mantê-las sempre limpas, acondicionar o lixo em recipientes bem vedados, são atitudes indispensáveis no dia-a-dia de pessoas concientes e saudáveis.
  14. Por que, às vezes, a água da minha casa sai esbranquiçada da torneira?
    Muita gente relac iona a coloração esbranquiçada da água com a dosagem adicional de cloro na rede. Isto não é verdade. A água esbranquiçada é motivada pela presença de micro bolhas resultantes da pressão da água na tubulação, no instante da abertura da torneira. Se você deixar essa água num copo por um ou dois minutos, ela volta a ficar incolor e transparente.
  15. Por que, às vezes, na minha casa a água chega barrenta ou com coloração amarelada ou marrom?
    Geralmente, durante os reparos das redes, parte da terra resultante das escavações, pode, acidentalmente, passar para a tubulação. No momento da conclusão do reparo, esse barro é levado pela água podendo adentrar indistintamente nas residências próximas. Deixe escoar a torneira direta por pequeno instante e o aspecto voltará ao normal. Em tais situações o SAAE sempre mantém as descargas de rua abertas acelerando a lavagem das redes, até se certificar da clarificação da água. De qualquer forma, o cloro presente na água garante a desinfecção, sem riscos à saúde da população.
  16. Para onde vão os recursos arrecadados pelas contas de água?
    A água potável que recebemos em casa é um produto industrializado, implicando em custos de energia elétrica, produtos químicos, materiais, equipamentos, mão-de-obra qualificada para operação e manutenção do sistema de produção e distribuição de água e coleta de esgoto da cidade. Com o crescimento da cidade, surge a necessidade de dotá-la de extensão de redes de distribuição de água e redes coletoras de esgoto e seus respectivos ramais. Além disso, há o contínuo investimento na melhoria dos produtos e serviços prestados. Assim, todo recurso arrecadado volta para a comunidade em forma.